DIFERENÇA ENTRE ENGENHEIRO E ARQUITETO?

Engenheiro ou arquiteto, eis a questão! Toda obra, seja ela de reforma ou construção, precisa de uma pessoa que se responsabilize pelo planejamento, pela execução do projeto, pela avaliação estrutural, e que pense no melhor aproveitamento do espaço dentro da área que você dispõe. Este profissional precisa ter conhecimento técnico e estar capacitado a desenhar e planejar espaços residenciais, industriais ou comerciais. Portanto, não basta querer e ter boas intenções, reformas e construções exigem muito planejamento, orçamento detalhado e que caiba no seu bolso, e não é para amadores. Do contrário, o seu sonho pode virar pesadelo. A contratação de um profissional que o assessore e que se responsabilize pela obra do começo ao fim é uma das partes mais importantes na realização do seu sonho.

DIFERENÇA ENTRE ENGENHEIRO E ARQUITETO?

A diferença entre engenheiro e arquiteto é o ramo de atuação os dois profissionais podem fazer projetos e ambos atuam na construção civil de pequeno e médio porte.

Antigamente e de modo geral faziam a mesma coisa, tanto que o decreto:

RESOLUÇÃO Nº 218, DE 29 JUN 1973

Discrimina atividades das diferentes modalidades profissionais da Engenharia, Arquitetura e Agronomia.

O Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia, usando das atribuições que lhe conferem as letras “d” e “f”, parágrafo único do artigo 27 da Lei nº 5.194, de 24 DEZ 1966, CONSIDERANDO que o Art. 7º da Lei nº 5.194/66 refere-se às atividades profissionais do engenheiro, do arquiteto e do engenheiro agrônomo, em termos genéricos;

Mas com o passar do tempo isso foi mudando tanto que hoje são dois conselhos e duas ciências bem definidas:

O que faz um arquiteto?
Este profissional projeta e organiza uma obra dando prioridade à estética, ao conforto e à funcionalidade. Ele costuma ter como características sensibilidade, capacidade de abstração, habilidades artísticas e usa todo este arsenal na elaboração de uma planta ou na reforma de um ambiente, por exemplo.

Ele também utiliza variados recursos técnicos, artísticos e tecnológicos para elaborar um projeto arquitetônico, dando ênfase à funcionalidade, à beleza, ao aproveitamento do espaço e sugestões de decoração, sempre priorizando o bem-estar do cliente. Ele enxerga o cliente como parte integrante da obra.

Veja algumas das atribuições do Arquiteto de acordo com a Resolução nº 51 do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil ? CAU/BR

– Projeto arquitetônico de edificação ou de reforma

– Relatório técnico referente a memorial descritivo, caderno de especificações e de encargos e avaliação pós-ocupação

– Projeto urbanístico e de parcelamento do solo mediante loteamento

– Projeto de sistema viário urbano

– Coordenação de equipes de planejamento urbano ou de regularização fundiária

– Projeto de arquitetura de interiores

– Projeto de arquitetura paisagística

– Direção, supervisão e fiscalização de obras referentes à preservação do patrimônio histórico, cultural e artístico.

– Projetos de acessibilidade, iluminação e ergonomia em edificações e no espaço urbano

O que faz um engenheiro?
O engenheiro também projeta, porém a ênfase do seu curso não está tanto na estética da edificação e sim na estrutura (o que não significa que sua casa ficará feia). Além de estruturas residenciais, este profissional tem grande foco matemático que o capacita para estruturas prediais de grande porte, estradas, estádios, portos, laudos técnicos e periciais.

Muitos engenheiros focam em pesquisa de soluções técnicas para a implantação de soluções propostas por arquitetos. (MASP, Congresso Nacional, Museu Nacional, Catedral e outras edificações com formatos incomuns).

São algumas das principais atividades dos engenheiros:

Sistemas, métodos e processos de Construção Civil (Tecnologia da Construção Civil e Industrialização da Construção Civil)
Edificações (Impermeabilização e Isotermia)
Terraplenagem (Compactação e Pavimentação)
Estradas (Rodovias, Pistas, Pátios, Terminais Aeroportuários, Heliportos)
Tecnologia dos Materiais de Construção Civil
Resistência dos Materiais de Construção Civil
Patologia das Construções
Recuperação das Construções
Sistemas Estruturais e Estabilidade das Estruturas (Estruturas de Concreto, Estruturas Metálicas, Estruturas de Madeira, Estruturas de Outros Materiais, Pontes, Grandes Estruturas, Estruturas Especiais, Pré-Moldados e outros)
Outras demandas técnicas da Construção Civil
Engenheiro civil e arquiteto se complementam

Ambas as profissões são igualmente importantes em uma obra. Arquitetos e engenheiros atuam juntos na construção civil. Por princípio, o arquiteto é quem vai elaborar a planta com suas divisões, espaços internos, varandas e entorno. E o engenheiro civil implanta o projeto elaborado pelo arquiteto, é ele que executa o que está especificado na planta e concretiza o que ainda é apenas uma ideia, um sonho, ele também pode assinar um projeto e desenvolver soluções ligadas à arquitetura. Por outro lado, os arquitetos conhecem e podem acompanhar as etapas diárias de uma obra e terceirizar projetos complementares. A principal vantagem de contratar apenas o engenheiro é ele pode tocar o projeto do começo ao fim. Já o arquiteto terá que terceirizar algumas partes. Ambos são qualificados e estão aptos a apresentar a melhor solução para o seu projeto.

Acreditamos que são habilidades diferentes, porém com muita semelhança e quando possível é interessante ter ambos unindo segurança, praticidade, sensibilidade e funcionalidade para compor um ambiente equilibrado, harmonioso e com a sua cara.

Website: https://www.custodaconstrucao.com/engenheiro-ou-arquiteto-qual-contratar/

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s